TUDO SOBRE ARANHAS

As aranhas, também conhecidas como araneídeos são da ordem Araneae a mais numerosa classe arachnida. São mais de 40 mil espécies de aranhas catalogadas em todo o mundo, que se subdividem em mais de 100 famílias, sendo aproximadamente 30 delas, nocivas ao seres humanos.

Aranha

Aranha Lobo

Aranhas são predominantemente carnívoras que habitam tanto em regiões selvagens e quanto em áreas urbanas, possuindo hábitos domiciliares e peridomiciliares,  tendo como principais fontes de alimentos insetos como baratas, besouros,  grilos entre outros.

No Brasil, existem 3 tipos de aranhas peçonhentas.  As aranhas armadeiras, viúvas-nergras e as aranhas-marrom. Ao contrário do que alguns pensam, as aranhas conhecidas como caranguejeiras não inoculam veneno.

Em caso de acidentes e picadas de aranhas, recomenda-se a aplicação do soro apropriado ( aplicação intravenosa). Também pode ser necessária administração de anti-histamínicos, visando a prevenção de  alergias.

Para acabar com a possibilidade de acidentes e eliminar o risco indesejável de picadas acidentais umas das principais soluções caseiras é evitar guardar entulhos e matérias velhos de pouca movimentação, pois é nestes locais onde as aranhas costumam armar as suas teias em busca de alimentos, e ainda depositar seus filhotes. Além disso, a dedetização periódica do ambiente ( semestral ou anualmente) costuma acabar com estas pragas urbanas e suas fontes de alimentos.

Porém é preciso ressaltar que apesar de perigosas, as aranhas também exercem um papel fundamental no combate e controle de diversas pragas e insetos.

Saiba tudo sobre Escorpiões

O escorpião, do latim scorpio/scorpionis.que em alguma regiões também é conhecido como Alacrau, ou  simplesmente Lacrau,  é um artrópode da ordem dos Scorpiones, e o que muita gente não sabe, é da classe dos aracnídeos, ou seja, ele é parente das aranhas!

A ordem dos artrópodes arácnidos  conta com mais de 2mil espécies catalogadas pela ciência. Em geral a espécie apresentam de 10 a 13 cm e  três colorações típicas, cobre, amarelado ou preto. Estes animais possuem hábitos noturnos, ou seja, ficam abrigados durante o dia, saindo a partir do crepúsculo em busca de alimento. (Que são geralmente outros insetos, vivos. ex: Baratas)

No que tange à reprodução, os escorpiões pode realizá-la de forma sexuada ou assexuada ( Partinogênesis). Ao contrário do que a maioria das pessoas pode imaginar os Escorpiões não colocam ovos, eles são vivíparos, e podem gerar de até 90 filhotes por período reprodutivo podendo a gestão durar de 2 meses até 2 anos!

como matar escorpiõesEm relação à periculosidade do animal,  cabe ressaltar os seguintes aspectos:

O escorpião possui um ferrão (telson), que além de ser utilizado como ferramenta para agarrar a sua pressa, também é usado como forma de defesa para inocular o veneno no elemento agressor. A composição de seu veneno não é bem definida pela ciência, porém sabe-se que há histaminas, neurotoxinas, inibidores de enzimas e diversos outros elementos que em contato com a corrente sanguínea são nocivos à saúde.

Assim sendo, é fundamental evitar o encontro direto com este tipo de inseto, cuja picada em seres humanos costuma afetas as regiões das mãos e pés, causando febre, dor e em crianças muito pequenas podendo levar ao óbito! Por isso, para acabar com esta praga urbana que são os escorpiões, a forma mais efetiva, não é através de inseticidas diretamente, mas sim indiretamente, pois eliminado suas fontes de alimento, como baratas, grilos e outros insetos semelhantes, eles tendem a muda-se para outros ambientes onde haja mais fontes de alimento.

Saiba tudo sobre o Cupim

O Cupim é da ordem dos são insetos eusociais e seu nome científico é isópteros (Isoptera).

Estes insetos habitam o nosso planeta há mais de 50 milhões de anos, e já possuem mais de 3.000 espécies catalogadas pela ciência, vivendo ao redor do mundo, principalmente em zonas temperadas e ambientes tropicais. Porém a maioria das espécies é capaz de habitar quase qualquer zona do planeta, bastando que nos períodos invernosos o solo não venha a congelar.

Como são insetos sociais os cupins vivem em colônias que normalmente possuem um rei e uma rainha (cuja única função é procriação para produção de novos ovos), diversos operários (que cumprem a função vital de produzirem o alimento pra as outras castas) e por fim, temos os soldados (naturalmente aqueles que defendem a colônia de possíveis agressões externas).

Geralmente em ciclos anuais acontece a dispersão dos ninhos e fundação de novas colônias. Estes períodos tendem a coincidir com o princípio das estações chuvosas. São aquelas famosas revoadas de cupins, onde alguns conseguem procriar e dar início a novas colônias.

Há várias soluções modernas para inibir a ação nociva dos cupins aos bens móveis e imóveis. Porém algumas espécies possuem uma resistência acentuada aos mais diversos métodos, sendo, por vezes, muito complicado e dispendioso acabar com a infestação de cupins após a instalação definitiva das colônias.

Combater CupimAssim sendo, há dois hábitos comuns entre os cupins que podem ser de ajudam fundamental para combater e exterminar estas verdadeiras pragas urbanas. Sendo eles o “grooming’’ (que é o hábito de todos o cupins lamberem-se constantemente) e troca de alimentos boca-a-boca, (sempre através dos operários para o restante da colônia.)

Tendo esses hábitos em mente é possível exterminar toda uma colônia contaminando apenas os operários, que são os membros mais expostos e responsáveis pela aquisição das fontes de alimento. Basta realizar a confecção de iscas com inseticidas adequados que fatalmente os demais membros da colônia serão infectados e neutralizados.

Saiba tudo sobre as Baratas

As baratas, como são comumente conhecidas, são insetos da ordem dos Blattaria ou Blattodea.

Estes invertebrados já habitam nosso planeta há mais 300 milhões de anos, possuindo atualmente cerca de de 5mil espécies catalogadas ao redor do mundo. Cada espécie tem características próprias podendo o tamanho do inseto variar de alguns milímetros até mais de 10cm de comprimento. Normalmente as baratas apresentam três tipos de colorações bem definidas, parda, marrom ou negra. Porém também há registro de espécies coloridas!

Como Matar BaratasEstes insetos são reconhecidos por sua capacidade de adaptação, tendo uma dieta bem abrangente (onívoros) e sendo capazes de se alimentar das mais diversas fontes, tendo como predileção doces, alimentos gordurosos e de origem animal. Em seu período de reprodução, as baratas alojam seus ovos em um compartimento chamado de ooteca. Na maioria dos casos, as fêmeas carregam os ovos dentro de si até os filhotes estarem plenamente desenvolvidos, porém há situações em que alguma baratas depositam a ooteca em frestas ou locais de pouca movimentação os ovos eclodirem sozinhos.

Por fim, é preciso salientar que, em nossas casas, estas pragas urbanas podem causar diversos malefícios a todos os membros do núcleo familiar, sendo o principal deles a atuação como vetores mecânicos de organismos patógenos como bactérias, fungos, vermes, protozoários e diversos vírus.

Na cultura popular, existem diversos remédios e métodos caseiros que prometem soluções rápidas e eficazes de como matar baratas e acabar de vez com estes insetos nocivos. Porém nenhuma dica é tão efetiva como a manutenção de um ambiente limpo, principalmente no período noturno, e a realização de dedetizações periódicas (semestrais/anuais).